Mamãe&Bebê » O Parto Natural

dia2b162bamor
Foto: Amanda Ferreira (Blog Mandy Francesa)

Eu contei a história do nascimento do meu filho umas 200 vezes desde que ele nasceu, há 8 meses atrás. A versão vai ficando mais curta conforme o tempo vai passando, mas nunca deixa de ser emocionante. Por isso vou tentar ser breve, porém não garanto que vá conseguir.

Read More »

Resenha » Stuck-Up Suit (Vi Keeland & Penelope Ward)

 

stuckup_suit_1456318398546375sk1456318398bTítulo: Stuck-Up Suit
Autoras: Vi Keeland & Penelope Ward
Editora: Everafter Romance
Páginas: 334

Classificação:❤❤❤❤

Por que você vai fazer resenha de um livro que acabou de sair só em inglês? Porque sim. Vai que eles resolvem traduzir logo pazamiga?

Soraya não tem mesmo sorte com os homens. Como se não bastasse tentar se livrar de um cara que conheceu num encontro às escuras, outro homem desconhecido se aproveita da situação e a beija, do nada. Estando no trem que sempre pega pela manhã, ela decide trocar de vagão. E o que acontece? Obviamente ela encontra um cara lindo, com a voz perfeita. O problema é que ele é um “engravatado metido” e só de vê-lo ao telefone ela já percebe que ele é um homem que trata as pessoas feito lixo. Read More »

Mamãe&Bebê » Filho não é brinquedo

image

Quando alguma amiga minha diz que está doida pra ter um filho eu logo fico preocupada. Você quer um filho ou quer um bebê porque é fofinho?
Read More »

Resenha » O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares (Ransom Riggs)

o_orfanato_da_srta_peregrine__1439930389277440sk1439930389b

Título: O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares #1
Autor: Ransom Riggs
Editora: Leya
Páginas: 336

Classificação:❤❤❤❤

Jacob sempre ouviu histórias fantásticas de seu avô Abe Portman sobre um orfanato cheio de crianças com poderes especiais. Ele mostrava fotos bizarras ao neto, como suposta prova desses poderes. Até que um dia o menino decidiu que era grande mais para acreditar nessas histórias, como se elas fossem mentiras, e seu avô deixou de contá-las. Acontece que vovô Portman era judeu e precisou fugir da Polônia durante a Segunda Guerra Mundial, indo morar num orfanato durante alguns anos. O pai de Jacob disse que contar essas histórias era o modo que o velho tinha de falar sobre essa época terrível, cheia de pessoas ruins.

Anos mais tarde, vovô Portman ficou aparentemente doente da cabeça, paranoico, dizendo que os monstros estão atrás dele. Jacob é o único que tem paciência pra dar atenção. Um dia, ele liga desesperado e o rapaz vai ver o que está acontecendo. Chegando lá, encontra seu avô morto, dilacerado pelo que parece ter sido um animal selvagem. Mas não foi isso que Jacob viu e o garoto passa meses em terapia, tentando tirar aquele monstro da cabeça, sentindo-se traído pelo avô tê-lo impregnado com falsas memórias mesmo depois de morto.

Mas e se tudo o que vovô Portman disse não fosse apenas invenção da cabeça de alguém que sofreu demais? E se todas aquelas crianças realmente existissem? O avô deixou uma mensagem importante, uma carta da diretora do tal orfanato, com pistas que mais parecem enigmas, então Jacob decide segui-las. Ele vai para uma ilha no meio do nada, junto com o pai, procurar pela verdade.

Como você já pode imaginar, ele encontra, sim, o orfanato e as crianças, mesmo 70 anos depois. Mas não da forma como eu mesma teria imaginado. E eles tem mesmo poderes incríveis – Emma, a garota que faz fogo. Millard, o menino invisível. Olive, a menina que é tão leve que flutua por aí se não estiver presa ao chão. Mais que isso, eles tem segredos. E existem monstros que estão atrás deles, agora também atrás de Jacob. E ele acaba descobrindo que está muito mais ligado ao avô do que poderia imaginar, conforme vai desvendando detalhes do seu passado e as memórias compartilhadas pelo próprio pai.

Quando eu vi a sinopse desse livro pela primeira vez, fiquei com cagaço demais de ler porque pensei ser muito freakshow e medonho. Eu tenho imaginação fértil, não preciso de mais material para pesadelos. Mas as fotos dentro do livro deixam ele mais fantástico ainda. Os personagens são bastante interessantes, nem todos incríveis, mas gostei da maioria. É tudo tão fantástico, bonito e perigoso. Porque ao mesmo tempo que os peculiares estão à salvo, graças a Senhorita Peregrine, eles estão presos a uma situação que pode ser no mínimo enfadonha. E os etéreos, os tais monstros incorpóreos, auxiliados por acólitos, estão sempre a espreita. Qualquer um pode estar vigiando você.

E o dilema mental de Jacob, as consultas com o psiquiatra, a reação dos pais diante de um filho com “problemas mentais”, nos transportam para uma realidade que não é tão fantasiosa assim. Muitas pessoas tem problemas com os quais a família não sabe lidar ou simplesmente fingem não existir porque é mais fácil, sabe. Deu uma angústia em certos momentos por causa disso.

Gostei muito desse livro, pretendo assistir ao filme, porque afinal de contas é o Tim Burton, né. E também pretendo ler os outros dois livros em breve, se puder vou comprar o box em inglês porque vem com algumas das fotos! *-*

 

Mamãe&Bebê » Compras para o Bebê

image

Quando engravidei eu tinha muitos planos para o quarto do bebê, as roupinhas, cada detalhe que eu queria escolher pra essa nova pessoinha que ia chegar na minha vida. Mas de repente, tudo virou de cabeça pra baixo e não foi nada disso que aconteceu.

Read More »