Bem (e?) ou Mal

O artigo que se segue é baseado em uma fala do personagem Bill Compton, da série True Blood. (falarei mais sobre ela em outra ocasião!)

“Todos, humanos e vampiros, tem o bem e o mal dentro de si.”


Não existe ninguém perfeito nesse mundo #fato. O que as pessoas às vezes esquecem é que nenhum de nós, por mais que tente, vai conseguir ficar imune a uma dessas influências.

Existem pessoas que fazem tudo por todo mundo, estão sempre prontas a ajudar e são consideradas “modelos” perante a sociedade em que vivem. Mas alguém aí parou pra pensar que, de repente, os reais motivos por trás disso seriam a necessidade de se auto-promover e estar sempre à vista dos outros?

E aquela pessoa que foi ruim a vida inteira, não foi capaz de retribuir sorrisos e passou por cima de um monte de gente pra chegar aonde queria? Ninguém sabe o que realmente se passa em sua mente. Talvez bata aquele arrependimento quando ela se deita pra dormir, isso já é um sinal.

Qualquer pessoa, por melhor que seja, uma hora vai estourar de raiva por ter suportado tanta coisa. É pra serm bom, não bobo! Sabe-se lá se na hora da revolta em matar alguém…

Você talvez nem imagine o que uma pessoa de conduta questionável passou durante a sua vida pra chegar a ter um coração tão duro. Não sabe quais os seus motivos.  Se ela sempre sentiu vontade mas não teve coragem de fazer diferente.

Como sempre, não se pode julgar as pessoas!

Cada um sabe o que tem por dentro. Muitas vezes o que se tem é medo de pôr aquilo pra fora, sendo bom ou ruim, porque não dá pra saber qual será a reação dos outros. Não se pode culpar ninguém por pensar nas consequências.

O que resta pra nós, reles mortais e defeituosos é suportar o mal que nos sobrevem, fazendo o nosso melhor. Nunca se sabe quando será a nossa vez de estar do outro lado…

12 thoughts on “Bem (e?) ou Mal

  1. Ótimo post!
    Expressa a realidade. Ninguém está livre daquele ‘Dia de Fúria’, no qual muitos filmes, livros e teses foram baseados. Pode parecer algo simples, mas não é! Já vi entrevistas de psicólogos dizendo que praticamente todo ser humano é passivo de crises, e elas podem nos levar à loucura….

    A única coisa que podemos fazer é pedir a Deus que venha nos guardar desses problemas e que sempre possa ter paz em nossos corações…

    Abraços!

    Gostar

  2. Amei o post!
    Realmente, existe o bem e o mal… temos que escolher o bem!
    A gente não conhece os outros direito.
    Por isso, não podemos julgá-los nunca! Só Deus tem esse direito!
    Muitas pessoas são de um tipo de jeito, porque passaram por momentos desagradáveis. Outras tem vergonha de mudar seu jeito.
    [Nunca julgue o outro!]
    É o principal para isso!

    Beijos!

    Gostar

  3. A Verdade é que cada um tem um jeito diferente, um são mais timidos e outros são mais extrovertidos, mas o certo é não julgar ninguem por isso, é como diz essas palavras >> cada um, cada um

    Gostar

  4. Pois é..
    Eu sou tipicamente recluso
    nao conto meus segredos, aturo certas coisas e estou sempre aqui. Pra ouvir o que o povo tem a dizer…
    Mostrar os sentimentoss é complicado…

    Gostar

  5. Na verdade não há diferena entre o bem e o mal. O que os torna tão extremos é o caracter!
    Você é capaz de fazer qualquer coisa, desde dar a vida a tirar uma vida, o que vai ditar o que fazer não é sua natureza, boa ou má, e sim o seu caracter!

    Uma pessoa extremamente boa não é unicamente boa, ela tem a maldade dentro dela e a usa respeitando os limites do seu caracter, assim como uma pessoa extremamente má.
    Não se deve julgar. VClaro! Mas, também não se pode por a culpa nos outros!!
    Se você é boa ou má não é culpa dos outros ou da vida que você teve, a culpa é sua!
    Situações, boas ou más, não fazem você ser quem é. O modo como você passa pelas situações sim!

    Se você é má ou boa é porque assim se deixou ser!

    E qual é a forma ‘certa’ de ser? Boa ou ruim??

    Ninguém pode dizer que uma pessoa má é ‘pior’ que ma pessoa boa, ou que uma pessoa boa é ‘melhor’ que uma má.

    Só se compara pessoas boas com más quando elas se enfrentam. E que vença o melhor!!

    Gostar

  6. Você tocou em um ponto muito delicado, muito difícil de se entender.Mas cada ser humano tem um coisa que se chama personalidade, isso que diferencia cada um.Essa personalidade pode ajudar a pessoa a subir na vida ou pode fazer com que a pessoa passe por cima das pessoas, isso depende muita da educação do sujeito. bjo😉

    Gostar

  7. Gostei muito da frase, gostei do Layout novo… e curti muito os pontos abordados…. e ainda mais do jeito com que a frase encara a situação…. então quer dizr que até mesmo os vampiros tem um lado bom? que bom que sabes disso Senhora^^

    Gostar

  8. “É pra ser bom, não bobo!”
    Eu nem sei bem o que falar sobre isso. Minha tia diz que sou muito boba com a Bubu e com a Ingrid, que se aproveitam da minha disposição ou mesmo do simples fato de fazer as coisas pra não levar bronca pra não fazerem nada e deixar as coisas nas minhas costas.
    Fora isso, gosto de ajudar os outros, de ser útil pra alguma coisa. Além do que, se sei de algo que pode informar ou ajudar os outros, não vejo pq não fazê-lo. Nós só levamos da vida aquilo que fizemos, não é mesmo?!!
    Mas claro que tenho meus dias de revolta, quando não tenho paciência para estar ao lado dos outros, que só desejo estar trancada dentro de um quarto com tudo o que preciso pra não ter que sair dele, e uma cama para poder dormir e fazer o dia “passar mais rápido”.

    Gostar

  9. O mundo nao e dividido entre comensais da morte ou naum, todos temos o bem o mal lutando dentro de nois como lobos raivasos, ganha aquele que alimentarmos mais, nosso querido Sirius de HP.
    Nascemos com as duas coisas dentro de nois, mas a que se sobressai e aquela q o meio em que vivemos nos influenciou, axo q se crescemos num meio violento, vamos ser violentos, e claro que sempre ha uma excessao, concordo, mas naum deixa de influenciar.
    Somos seres que somos influenciados pelos nossos meios. Podemos ser bons ou ruins, isso depende do que aconteceu conosco ou o que passamos, coisas que as vezes, simplesmente naum conseguimos dizer para outras pessoas, porque podem ser vergonhosas ou ruins demais, mas naum devemos julgar as pessoas pelas escolhas erradas que elas fazem, porque nunca se sabe quando iremos estar numa situaçao, se nao igual ou parecida, nunca sabemos que escolhas faremos e se elas seram as corretas ou naum.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s