Distopia Pós-Apocalíptica

O mundo literário segue modas, infelizmente ou não, assim como a maioria das coisas. Nos últimos tempos tivemos vampiros, lobisomens, anjos, recentemente até os zumbis ¬_¬, mas estou aqui pra comentar sobre as Distopias.

Não vou ficar explicando o que a Distopia em si, até porque não tenho grande conhecimento no assunto. No final do post deixei alguns links que considerei interessantes, pra quem quiser ler.

Os livros que li até agora sempre estão num clima pós-apocalipse, depois de a humanidade ter ferrado com o planeta inteiro, quase esgotado seus recursos e se exterminado em guerras. Um governo é implantado para acabar com a bagunça e não sei quantos anos depois parece que tudo está muito melhor do que está agora. Mas não está.

Tudo o que eu leio me soa como um aviso de que a cada dia devemos tomar mais cuidado com o que fazemos por aqui, pra sobrar alguma coisa pras próximas gerações. Ao mesmo tempo surgem temas atuais, como a preocupação excessiva com a aparência, a fama e blábláblá.

Em um dado momento as pessoinhas seguem o script e criam uma revolta contra o governo, porque todo mundo quer agir e pensar por conta própria, ter direitos de fazer as próprias escolhas e essa coisa toda que gera mais uma guerra, algumas mortes que te fazem chorar e no fim as coisas acabam de uma forma geralmente boa pra humanidade. Yay!

No meio disso tudo eles colocam um romance porque, afinal de contas, quem é que não gosta de uma mocinha apaixonada, tão maravilhosa que tem mais de um pretendente e passa toda a série sem saber quem escolher?! u.u E a gente fica torcendo pra que tudo dê certo, cada garota defendendo seu personagem preferido.

Sempre fica aquela dúvida na minha cabeça sobre o que mais vão prestar atenção: o tema importante (sabe, o fim do mundo como o conhecemos) ou o romance água com açúcar que eles colocam no meio pra vender mais. Qualquer pessoa é capaz de entender que o romance gera o consumo da massa, o que é estranho num contexto onde se mostra que foi justamente esse consumo que acabou com o mundo, pra começo de conversa.

Enfim, gosto do tema – e, sim, gosto dos romances e fico torcendo como todo mundo – mas sempre fico imaginando quantas pessoas serão capazes de parar pra pensar no final do livro e dizer: “Eu deveria tomar mais cuidado daqui pra frente” ou algo do tipo. 😦

Acho que esse calendário Maia me deixou meio pessimista esse ano…

(E esse não é o meu post mais brilhante da história, mas dá pra entender o que eu quero dizer. Assim espero!)

Anúncios

One thought on “Distopia Pós-Apocalíptica

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s